Camisinha e a copa do mundo

Bola no pé e camisinha à mão na copa do mundo da África do Sul

 

05.07.2010

 

Graças a uma parceria inédita entre os governos do Brasil e da África do Sul, um ônibus com 30 mil camisinhas e fôlderes sobre prevenção da aids e outras doenças sexualmente transmissíveis está rodando as ruas dos principais locais onde acontecem jogos da Copa do Mundo de Futebol. Até o dia 18 de julho, o veículo passará por Joanesburgo, Soweto, Alexandra e outras comunidades próximas, situadas na província de Gauteng. O slogan da ação é "Marque um gol – Brasil e África do Sul no campo de batalha contra a aids".

 

Durante a mobilização, cerca de 2.500 jovens sul-africanos serão treinados para multiplicar informações sobre formas de transmissão do HIV e importância do uso do preservativo. Na África do Sul, 18% da população está infectada pelo HIV. No Brasil, esse percentual é de 0,6%. "Aproveitando que o País será sede da próxima Copa do Mundo, queremos compartilhar um pouco da nossa experiência na prevenção do vírus da aids", explica Mariângela Simão, diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais brasileiro.

 

O ônibus percorre a província sul-africana diariamente, das 10h às 18h, horário local. A ação é direcionada aos jovens, mas qualquer pessoa pode ter acesso aos preservativos e materiais informativos. Todas as camisinhas destinadas à distribuição foram produzidas no Brasil, na primeira fábrica do mundo a utilizar látex nativo, a Natex, localizada no município de Xapuri (AC). A atividade conta com apoio das organizações não governamentais Bridges of Hope – que atua na área de aids em mais de 70 países – e da WakeUp – especializada em montar redes sociais de jovens em locais de eventos esportivos ao redor do mundo.

 

O lançamento oficial da iniciativa aconteceu no dia 2 de julho. Estiveram presentes o ministro da Saúde da África do Sul, Aaron Motsualedi, o embaixador brasileiro no país sede da Copa, José Vicente de Sá Pimentel, e a governadora da província de Gauteng, Nomvula Paula Mokonyane. A cerimônia aconteceu na Public Viewing Area do bairro de New Town, um espaço organizado pelo governo local para as pessoas assistirem aos jogos do campeonato.

 

Mais informações para a imprensa

 

Mauro Siqueira – Ministério da Saúde do Brasil

+ 55 61 9221 4133

 

Daniel Sarabia – Wake up (ver nome da ONG)

+ 27 82 585 2005

 

Mandla Sidu – Governo da província de Gauteng

+ 27 88 773 9013

 

Mary Carmem – Embaixada do Brasil na África do Sul

+ 27 82 485 0405

 

 



PARA NAVEGAR COM MAIS PRIVACIDADE USE O INTERNET EXPLORER 8. INSTALE GRÁTIS.

Lohren Beauty

Nenhum comentário:

Postar um comentário