Balé da Cidade faz quatro apresentações em setembro

Theatro Municipal, dias 26, 27, 28 e 29 de setembro
O Balé da Cidade de São Paulo se apresenta em setembro no Theatro Municipal, dias 26, 27 e 28 às 20h e no dia 29 às 18h.

O grupo, que completa 45 anos em 2013, interpreta Apocalipsis de Victor Navarro, Cantares de Oscar Araiz e Abrupto. de Alex Soares. Eles são acompanhados pela Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, regida pelo maestro Luís Gustavo Petri.



O Balé da Cidade de São Paulo foi criado em 7 de fevereiro de 1968, com o nome de Corpo de Baile Municipal. Inicialmente com a proposta de acompanhar as óperas do Theatro Municipal e se apresentar com obras do repertório clássico, teve Johnny Franklin como seu primeiro diretor artístico.

Em 1974, sob a direção Antonio Carlos Cardoso, a companhia assumiu o perfil de dança contemporânea, que mantém até hoje. A partir daí tornou-se presença destacada no cenário da dança sul-americana, marcando época por inovar na linguagem e mostrar ao público um elenco afinado. Em 25 de Setembro de 1981 passou a se chamar Balé da Cidade de São Paulo. 

Nos anos 80, o experimentalismo marcou a trajetória da companhia. Os bailarinos eram encorajados a contribuir com suas próprias ideias coreográficas que resultaram em trabalhos marcantes.

A bem sucedida carreira internacional da companhia teve início com a participação na Bienal de Dança de Lyon, França, em 1996. Desde então as turnês europeias têm sido aclamadas tanto pela crítica especializada quanto pelo público de todos os grandes teatros onde se apresenta, consagrando-a no cenário mundial da dança.

Desde 2001, a atuação do Balé da Cidade de São Paulo se estende também em programas de formação de plateia e de ações culturais paralelas, principalmente em mostras didáticas pela cidade de São Paulo, partilhando o patrimônio artístico com a população da cidade. 

A longevidade do Balé da Cidade de São Paul e o rigor e padrão técnico de seu elenco e equipe artística atraem os mais importantes coreógrafos brasileiros e internacionais, interessados em criar obras para seus bailarinos e artistas.

O conjunto de suas conquistas demonstra a importância da atuação na cultura da cidade de São Paulo, capaz de produzir arte de qualidade para a população da cidade.
 
fonte: http://www.prefeitura.sp.gov.br


NÃO ESQUEÇAM DE DEIXAR AQUI SEU RECADINHO OU SUA OPNIÃO!

Lohren Beauty

Nenhum comentário:

Postar um comentário